Entrevista sobre Link Building de Todd Malicoat por Manuela Sanches

Entrevista sobre Link Building de Todd Malicoat por Manuela Sanches

O profissional americano Todd Malicoat, professor de SEO da Market Motive, concedeu entrevista sobre link building à mim, Manuela Sanches, fundadora da agência Enlink. Assista à entrevista gravada durante o evento Search Labs, que aconteceu no mês de julho em São Paulo, e na sequência o resumo dos principais pontos abordados:

Entrevista com Todd Malicoat

Importância SEO on e off-page (link building)

Contrariando a opinião de muitos profissionais, que defendem “organizar a casa” antes de fazer link building, Todd Malicoat afirma que “não se pode fazer SEO on-page a menos que tenha link equity, algum tipo de perfil global de links. Você pode criar todo o resto do jeito certo, mas isso não será o suficiente. Se você tem um site bem novo, precisa fazer link building. Se tem uma marca bem conhecida, a otimização on-page pode ter ótimos resultados, mas você ainda precisa de link building”.

Criação de Conteúdo e Link Building

Ao participar de eventos escuta-se muito sobre “escola de criação de conteúdo” e “escola de link building”, como se devessem andar separados. Na minha opinião uma campanha atinge o máximo do seu potencial quando essas atividades são planejadas e desenvolvidas uma preocupando-se com a outra. Seja link building promovendo conteúdo criado ou geração do conteúdo com link target em mente.

Ao questionar Malicoat sobre esse ponto ele demonstra a mesma visão: “se você cria um conteúdo realmente ótimo todos vão linkar para ele naturalmente, e esse é o tipo de mito que o Google mantém vivo, eu suponho…que se você criar um conteúdo muito bom todos vão linkar para você de forma natural, mas infelizmente isso não é verdade. (…) Você pode ter um ótimo conteúdo e ainda não ter qualquer tipo de posicionamento ou tráfego orgânico. Se tiver um grande conteúdo e não tiver link building, se não tiver um maior alcance, será como um outdoor no meio de uma plantação – ninguém jamais o verá mesmo que seja o outdoor mais lindo, impecável e elaborado, porque não há distribuição. Se você tem um outdoor bem feio no meio da Times Square, pelo menos as pessoas vão vê-lo. Eu prefiro o site feio que posiciona todas as vezes a um grande conteúdo que não”.

O profissional de SEO trata novamente sobre conteúdo ao mencionar link baiting hooks (estratégias on-page para chamar atenção de usuários e conseguir que eles linkem naturalmente), que são categorizados em:  gancho de notícias, oposição, ataque, humor, ego, fonte de informação, entre outros. Para ele o favorito é “o gancho de fonte de informação, pois é o que atrai a maior quantidade de links. Se você combinar isso com o gancho de prêmios e ego, por exemplo, a estratégia mostra-se  a mais eficaz”, afirma ele. Em um post em seu blog, Todd chama essa técnica de “marketing viral visando links”.

Tipos de Link Targets

Falei de dois dois link targets (site no qual tentará conseguir um link) a ele e perguntei qual site ele escolheria para conseguir um link:
– Um site com ótimo conteúdo e qualidade alte, mas que não é do nicho do seu cliente;
– E um blog on-topic, mas que não possui métricas tão boas quanto as do primeiro.

Todd Malicoat acredita que ambos sejam importantes, pois “é preciso ter um perfil equilibrado de links (…). Um link em um site off-topic trará mais popularidade global de link, mais link juice puro, enquanto um link do seu nicho trará mais resultado com o conjunto local, você terá um link mais relevante. Além disso, eu tenho uma apresentação que se baseia em doze tipos diferentes de links: diretório, links recíprocos, links de autoridade, links de jornais etc. “.

Fatores de Rankeamento

Para a maioria dos profissionais que participaram de uma pesquisa desenvolvida pelo SEOmoz, a presença da palavra-chave no anchor text de external links representa o principal fator que influencia o ranking dos sistemas de busca. Já Todd destaca links de domínios únicos como principal fator de rankeamento.

“Eu prefiro muito mais ter uma centena de links de domínios únicos a ter mil links de um único site. Então, links de domínios únicos são um ótimo indicador e um bom previsor de posicionamento e popularidade global de links, então posso analisar apenas esse fator… Certamente há quatro ou cinco outros fatores muito importantes, mas links de domínios únicos são um bom previsor, e também é um dos fatores mais difíceis para se aumentar e aprimorar. Se você tenta atingir o mesmo posicionamento de uma grande marca que tem quinhentos links de domínios únicos, e você só tem cem, demorará um bom tempo até você obter aqueles outros quatrocentos links de domínios únicos. E provavelmente você pode vencer a briga com apenas trezentos, se forem links corretos e de alta qualidade, mas você sabe que precisará estar próximo daquele mesmo número a fim de ser eficaz”, afirma Todd.

Dicas de Ferramentas

Para concluir o resumo, seguem algumas das ferramentas (pagas) sugeridas por Malicoat, que ajudam no dia-a-dia do trabalho e também na semi-automatização de algumas atividades:

Raven Tools: ferramenta que integra APIs de vários sites, como Majestic SEO, SEM Rush, Analytics, Facebook e Twitter, para que o profissional consiga organizar-se melhor e gerar relatórios automaticamente;
Buzz Stream: para uso em estratégias de link building e redes sociais, facilita o processo de levantamento de usuários influenciadores para o seu mercado e o monitoramento do contato com eles;
SoloSEO: as ferramentas pagas do site incluem gerenciamento e sugestão de palavras-chave, gerenciamento de conteúdo, monitoramento de backlinks e ranking, entre outros  (no momento o teste gratuito de 2 semanas está indisponível). Há ferramentas gratuitas também como o Link Search Tool, que gera queries para levantamento de sites.

Créditos:

Entrevistado: Todd Malicoat (@stuntdubl), professor na Market Motive.
Entrevistador: Manuela Sanches (@msanches), diretora da Enlink.

Comments

comments

Sou apaixonada por Marketing Digital e fundei a Enlink há 11 anos. Na bagagem de estudos, trago formação em Comunicação Social pela UFPR tenho MBA em Gerenciamento de Projetos pela FGV, além de ter palestrado em eventos nacionais e dado vários cursos na área.