O dia das mulheres da Enlink

O dia das mulheres da Enlink

Já disseram que mulher é bicho esquisito, que nasce pra sofrer e amar e que mulher de verdade é Amélia.

Generalizações à parte, a mulherada da Enlink resolveu abrir o seu coração e mostrar que, apesar das semelhanças, cada uma é única e incomparável.

Veja você mesma! E aí nos diga: o que faz de você uma mulher especial?

 

As cantoras ‘pop stars’

 

 

Carol Ramalho: Oi =)! Eu gosto de cantar e, por isso, resolvi fazer aulas de piano… Mas eu não tenho um piano pra praticar nas minhas horas vagas. Eu tenho um super Casio VL Tone. Então, agora eu gosto de brincar de tecladinho. Acha mesmo que não dá pra fazer música com isso? Ó só que canção super maneira.

 

 

 

Ellen: Nas horas vagas, eu gosto de fazer música, seja batucando em uma mesa ou assoviando. Gosto de fotografar e curtir a natureza o máximo possível. Acho que cantar é uma boa pedida pra alegrar o dia, reunir os amigos, bater papo e rir muito. Gosto de fazer o diferente pra deixar a vida mais divertida. Como dica, recomendo esse blog de fotografias, que reúne as melhores fotos do Flickr, pelos melhores fotógrafos (na minha opinião).

 


Lia: Nas horas vagas,  eu amo escrever letras e fazer músicas (de qualidade), cantar na minha banda (Blush é o nome), assistir minhas séries (Arquivo X e Game Of Thrones), comprar camisetas geeks… Além disso, adoro assistir animes (Saint Seiya, InuYasha…), escutar Rock N Roll (bem alto), ir a shows, jogar playstation e navegar na net (é claro!). Como sugestão, indico a série Game Of Thrones! Separei aqui a última cena da 1°temporada que é muito legal!


 

 

Stefani: Sempre tive violão em casa, e quando eu tinha 10 anos, fiz algumas aulas. Mas nunca me dediquei e , por isso, parei de fazer. Em 2011, tive muita vontade de tocar de novo, e não é que eu (re)aprendi sozinha? Hoje, tocar violão (e cantar) é um dos meus passatempos preferidos (apesar de ser super tímida). Mas né! =P Vale divulgação aqui?

 

As mamães super poderosas

 

 

Natália Casado: Não sei escrever sobre mim, mas gosto de Rock n’ Roll, internet (mesmo fora do trabalho), café, cozinhar, tatuagens e, claro, sou mamãe da cria mais linda desse mundo! <3.

E mostro aqui uma das músicas que eu amo.

 

 

Camila: Desenhista, nerd, cozinheira, cinéfila, esposa, filha e agora mãe. Pois é, como arranjo tempo? Não sei, mas sem essas pequenas coisas, como fazer panqueca pros meus amores e depois assistir um filminho, eu não seria tão feliz. É uma rotina corrida, mas cheia de realizações! Dicas:  Entretenimento levado a sério; e um site de receitas, porque cozinhar e comer são uns dos maiores prazeres da vida.

 

 

 

Mica: Não há nada melhor do que passar horas curtindo o meu filhote, jogar videogame, assistir filme ou ir ao shopping. Tudo isso é sempre muito divertido. Outra coisa que adoro fazer é sair com os amigos, tomar uma cervejinha e curtir um rock n roll! Dica:  Muppets + Queen = a molecada pira e as mães também!

 

 

Carol Cañete: Mãe não tem hora vaga! E isso não é uma reclamação, muito pelo contrário, pois cada minuto do tempo em que não estou na agência, é ocupado por um serzinho com menos de 80 cm de altura, sendo que todo o cansaço do dia-a-dia é muito bem recompensado com as risadas sinceras e dancinhas desengonsadas de quem descobre na Galinha Pintadinha o verdadeiro hit do verão!

 

 

As moderninhas superinteressadas 

 

Ana: Nas horas vagas, para variar, bebo café, escuto música e reflito como é possível levar uma vida feliz sem Facebook. Diria até que fico pensando em qual será a próxima cor do meu cabelo ou quando farei uma nova lista (sobre qualquer coisa, acredite!). No mais, faço de conta que sou uma moça prendada e aprendo inglês, faço macarrão com molho e finjo que sou ótima costureira.

 

 

 

Bruna: Queria ser uma viajante profissional, sabe?! Iria para vários lugares, pra conhecer gente, linguagens, costumes… Tudo novo! Faço isso quando posso. Além disso, gosto de conversas profundas ou não, de solidariedade, de fazer bem e de piadas ruins. Nas horas vagas, cuido de mim, da família, dos amigos, do coração e do fusca… E depois de deixar tudo bem cuidado, gosto de fazer planos. Quando posso eu danço, leio, assisto a bons filmes e escrevo no meu blog.

 

 


Cindy:
Cinema em geral sempre me interessou, desde criança, da direção à mixagem de som. Eu não assisto ao filme simplesmente, eu me envolvo com um novo mundo e várias novas vidas e isso acontece toda vez que penso na sétima arte. O site que eu mais visito e tem bastante coisa, não só sobre cinema, mas sobre cultura moderna em geral, é o Omelete. Ele é bem legal e completo =)

 

 

Fernanda: Nos meus momentos de folga, quando não estou relaxando, gosto de brincar com os cachorros, cozinhar comidinhas gostosas, assistir seriados, filmes, jogar games pela internet, ler alguma ficção ou ouvir rock. Sempre que possível, gosto me encontrar com os amigos e ir a algum barzinho, bater papo e beber umas cervejinhas. Minhas duas dicas são: sobre cachorros e, mais uma vez, sobre cachorros =)


 


Katleen: É difícil encontrar tempo para diversão, quando se tem dois trabalhos, faculdade, TCC e, ainda de quebra, ser bolsista em iniciação científica. Mas quando os astros conspiram ao meu favor, gosto de passar as horas vagas com meu namorado, assistir um filme, sair e, se possível for, fotografar, que é algo que estou aprendendo. Tenho duas indicações: um blog sobre a vida corrida de um universitário  e um site com muitas e muitas fotos.

 

 

Natália Petrin: Por incrível que pareça, a verdade é que todos temos uma vida offline. Tudo bem, trabalho com SEO, adoro jogos online, falo sempre com a família e o namorado, que estão longe, por skype, mas também cuido da casa, da minha cachorrinha, do amor e de mim mesma. Grande parte do meu tempo ocioso vai para games, livros e seriados… E sonhos, gosto sempre de pensar nos sonhos. Recomendo dois sites bacanas: um pra comprar games e outro pra assistir seriados.

 


Mirian: A Mirian, que às vezes é mais Carla, gosta mesmo é de ler e tomar umas cervejas ouvindo música com seus amigos. Ela queria ser escritora, mas como concentração não é seu forte, ela decidiu que será uma leitora profissional. O que ela gosta de ler? Quase tudo, principalmente prosa. Um segredo sobre ela: quando ela gosta muuuuito de um texto, um conto, por exemplo, ela finge que foi ela que escreveu. Estranho né? Pois pior ainda é quando ela se refere a si mesma usando a terceira pessoa. Ela recomenda o site Drinify, que te indica um  drink de acordo com o que você está ouvindo, aí é só escolher o autor de sua preferência e aproveitar.

 

 

Priscila: Como não posso pôr o pé na estrada com a frequência que gostaria, encontrei duas maneiras lindas de viajar: a literatura e a música. Os livros são meus companheiros fiéis desde os onze anos de idade; e a música não sei dizer quando começou a fazer parte da minha vida. Gosto de textos e letras internacionais, mas a minha paixão mesmo está no Brasil. Além disso, gosto de estudar, de namorar o Jean, de curtir a minha família e os amigos. E uma das coisas que eu mais faço quando estou com o meu tempo livre é rir com algumas tirinhas, como as do blog Um Sábado Qualquer. Ahh e quando posso e a imaginação está em alta, escrevo e escrevo de novo. A arte da escrita é uma das mais bonitas que existem.

 

 

 

Suellen: Entre as atividades que reservo para meu tempo livre, está a prática de instrumentos musicais dentre os quais meus favoritos são piano e violão. Como não sei cantar, a música instrumental sempre me pareceu mais gratificante e, por isso, me dedico ao estudo da música erudita de forma ininterrupta há 8 anos. Um dos meus sites preferidos nessa área é um blog chamado Euterpe.

 

 

As esportistas campeãs

 

Aline: Como eu geralmente acordo antes do despertador, minhas primeiras horas vagas do dia começam às 6h30. Essa é a hora de pedalar. Nas demais, ou tô lendo/pesquisando, testando esmaltes, fazendo arte em feltro ou exercendo a paciência com origamis. Às vezes, e bem às vezes mesmo, resolvo testar receitinhas. E quando não tô fazendo nada disso… é porque tô procurando coisas fofas na internet. E pra renovar as energias, nada melhor do que tirar o sapato e andar descalça pela grama. É a primeira coisa que faço quando chego em casa depois do trabalho. Tenho três sugestões de sites bacaninhas: links com dicas: Drops de Saúde – Pedal de Salto; arte em feltro: Canto do Feltro; e receitinhas: Panelaterapia =)

 

 

Manu: Eu e um amigo começamos um “projeto corrida” em 2007 (nosso objetivo era correr 30min e não sabíamos se ia dar certo, já que nosso super record era de 13 minutos nas primeiras tentativas. Hehe!).  Desde então, aprendi a gostar cada vez mais do esporte, porque, além de ser um desafio e ajudar a liberar qualquer tensão, é uma ótima desculpa pra ouvir música num volume ensurdecedor e esquecer do mundo. Sério mesmo! Pra quem quiser começar um “projeto corrida”, a revista Women’s Health é bem interessante e traz muitas dicas de treinos. =)

As Mulheres da Enlink!

Comments

comments