Como Criar Email Marketing Memorável

Como Criar Email Marketing Memorável

Entende-se como newsletter uma espécie de boletim informativo, no qual são apresentados conteúdos sobre serviços, produtos ou temas relacionados à determinada empresa, site, blog ou outro interessado em divulgar suas novidades. Esse tipo de publicação é, normalmente, enviado por e-mail a clientes ou leitores selecionados, como por exemplo, aqueles que efetuam um cadastro para receber essas novidades. Entre as vantagens do envio de newsletters, destaca-se o fato de que este é um meio prático e eficaz para manter contato com seu público e, até mesmo, realizar uma forma discreta de publicidade. Isso porque, a newsletter permite discutir e divulgar lançamentos e promoções, diretamente para os clientes que estão interessados em receber esse tipo de informação. Mas afinal, entre tantos benefícios, qual será o segredo para criar uma newsletter de qualidade? A resposta pode estar no conteúdo, e é justamente sobre isso que vamos falar agora.

Estou preparado!

Estilo de linguagem e escolha do tema O primeiro passo para criar uma newsletter de qualidade deve ser conhecer seu público e identificar quais são seus possíveis temas de maior interesse. Um exemplo: os clientes de uma loja de materiais de construção, provavelmente, não esperam receber dicas de beleza, assim como uma clínica de estética não encontrará muitos leitores para suas recomendações sobre “como construir e reformar” – a menos que algo possa ser relacionado com seus serviços. Lembre-se de que a relevância do tema da newsletter é o que faz com que o leitor continue interessado em recebê-la. Assim como a abordagem com a qual ele é tratado será responsável por fazer com que o destinatário se identifique com seu conteúdo. Facilitando a leitura O conteúdo deve ser apresentado de uma forma atraente e que não canse o leitor “só de olhar”. Para isso, evite grandes blocos de texto corrido, sem parágrafos ou espaçamento entre linhas. Dividir o conteúdo por tópicos ou na forma de lista também é uma boa alternativa, pois torna a leitura aparentemente mais fácil e ajuda o leitor a se localizar dentro do texto. Seleção de argumentos e veracidade das informaçõesIndependente do tema ou da abordagem escolhida, a regra é a mesma: crie conteúdo útil. Ele pode ser baseado em dicas, apresentação de produtos, explicação sobre serviços, resumo de notícias do setor ou, até mesmo, alguma curiosidade ou promoção. Tome o cuidado de selecionar apenas os pontos mais relevantes e certifique-se de que as informações são verdadeiras e confiáveis. Caso contrário, tenha em mente que não é apenas a sua newsletter, mas sim, a sua reputação que será questionada.

Quer dizer, então, que você mentiu sobre os meus bolinhos?

Tamanho do texto e ordem das informações Não existe uma regra, mas espera-se que o texto da newsletter não seja muito extenso. O importante é que ele sirva para solucionar as dúvidas ou curiosidades do leitor em um primeiro instante, o incentivando a buscar ainda mais informações (de preferência, diretamente com o remetente). Para estruturar o conteúdo, a dica é desenvolvê-lo a partir da pirâmide invertida, ou seja, com as principais informações logo no começo do texto e o restante sendo desenvolvido durante seu decorrer. Uso de palavras com destaquePara chamar a atenção do leitor para determinados assuntos ou palavras-chaves, é possível recorrer a técnicas como o negrito ou o sublinhado. A segunda opção, porém, é normalmente associada à existência de links e, por isso, deve ser usada com cuidado para evitar que o leitor confunda-se achando que precisa clicar em determinado termo. A caixa alta é outro recurso, mas exige ainda mais atenção, já que, além de causar a impressão de que alguém está gritando, é capaz de transmitir um ar “desesperado”.

ENTENDEU O QUE EU QUIS DIZER???

Potencializando o anchor text Além de informar, sua newsletter tem o poder de incentivar o leitor a visitar seu site, blog ou, até mesmo, entrar em contato de alguma outra forma. Esse contato pode ser facilitado através do anchor text, que também funciona para redirecionar o leitor a outros artigos, vídeos e conteúdos, enriquecendo sua newsletter. O anchor text deve se destacar do restante do conteúdo (vide palavras com destaque) e, de preferência, não se prender ao usual “clique aqui”. Escolha do título Que atire a primeira pedra quem nunca julgou um livro pela capa ou um artigo ou newsletter pelo título. O fato é que, muitas vezes, o título é o único responsável por atrair a atenção do leitor para seu conteúdo. Por isso, na hora de criá-lo, é possível seguir algumas recomendações, como: – Escolha títulos objetivos e de fácil entendimento, que deixem claro qual é o tema da newsletter; – Pense como se fosse o leitor e use ferramentas, como o Google Adwords Tool, para verificar quais são os tópicos de maior interesse acerca do tema; – Sempre que possível, utilize títulos curtos e se puder se esforçar um pouco mais, invista na criatividade. Revisão final Finalizada a criação, é hora de revisar todo o conteúdo. O cuidado inclui desde erros ortográficos, repetição de palavras, testes com o anchor text (para verificar se o link está correto e funcionando) e, é claro, coerência nas informações apresentadas. Caso você não conte com o auxílio de um editor, releia você mesmo todo o conteúdo. Aproveite para observar se o texto está claro e verifique se é necessário adicionar ou deletar informações. Assim, você completa os cuidados com o desenvolvimento e finalização de seu conteúdo e garante uma newsletter de qualidade.

Definitivamente, uma ótima ideia!

Comments

comments