Como Levantar Pautas: diga adeus à falta de inspiração

Como Levantar Pautas: diga adeus à falta de inspiração

A importância da criação de conteúdo de qualidade já é um assunto inquestionável. As dúvidas, porém, começam a surgir quando a tão dilaceradora “falta de inspiração” dá as caras e atrapalha o nosso trabalho. E, se você é daqueles que pensa que com as palavras-chaves em mãos, basta começar a escrever, é porque ainda não explorou os desafios do levantamento de pautas.

Mais do que buscar referências para a criação de conteúdo, o levantamento de pautas visa encontrar possibilidades de temas, podendo ainda ser um aliado no monitoramento de determinadas palavras.

Imagine que você precisa trabalhar com o termo “imóveis”, por exemplo, e seu cliente lhe pede para produzir um blog com os temas mais procurados pelo assunto. O target você já possui, mas e agora? Onde buscar ideias para desenvolver postagens? E o mais importante: como saber se o termo está sendo trabalhado de acordo com os interesses do seu público?

Para o “pauteiro”, o mais importante é contar com fontes confiáveis sobre o determinado assunto. Sites, blogs, portais de notícias, listas e contatos passam a ser ferramentas fundamentais para o seu trabalho, já que a partir delas será possível saber quais as dúvidas/preferências das pessoas sobre o seu termo.

Partindo deste princípio, o levantamento de pautas surge como uma forma de gerar conteúdo levando em consideração os anseios de seu público, ou seja, produzir informações com base em dúvidas, sugestões e críticas de pessoas reais.

Entendeu, gostou e aprovou? Então, agora é hora de aprender como fazer um bom levantamento de pautas, conferindo algumas dicas muito úteis e responsáveis por favorecer a sua inspiração.

Yahoo Respostas

Em meio a algumas pérolas de internautas, o Yahoo Respostas pode ajudá-lo a descobrir quais são os principais questionamentos acerca de determinado termo ou tema. As dúvidas postadas por usuários diversos podem servir de base para rastrear possíveis pautas, já que a partir de uma pesquisa mais atenta, será possível conferir dúvidas de pessoas, realmente, interessadas no assunto.

No exemplo, a busca por “imóveis” foi refinada por categorias, sendo “Negócios e Finanças > Imóveis”, com resultados ordenados por relevância com todas as perguntas enviadas nos últimos 30 dias. Nesse caso, uma boa ideia de pauta seria “corretor de imóveis”, mas nada impede que você aprofunde a pesquisa para ter acesso a fatos compartilhados, opiniões e experiências pessoais dos usuários sobre o tema.

Facebook

Se você é daqueles que pensa que o Facebook serve apenas para compartilhar correntes, imagens de autoajuda e solicitações de aplicativos, experimente dar uma olhada em suas opções de pesquisa (especialmente em seus filtros de busca). Agora, imagine quantas possibilidades de assuntos um pauteiro pode encontrar nas páginas, grupos, atualizações públicas e publicações em grupos da maior rede social do mundo. Aventure-se e use o poder de stalker a seu favor!

Dica!
– Sabe de alguém referência no assunto ou famoso por compartilhar informações relevantes para o seu tema? Ótimo! Conhece o trabalho da pessoa, quer acompanhar suas postagens, mas não é íntimo ou cara de pau o suficiente para adicioná-la? Tente fazer a assinatura das atualizações desse contato e consiga mais uma fonte de referências para o seu levantamento de pautas.

Google Reader

Google Reader é uma ferramenta em potencial para ter acesso às últimas novidades e notícias recentes sobre os mais variados assuntos. A opção funciona como um leitor de Feeds, oferecendo atualizações de seus sites favoritos. Para saber como aproveitá-la no levantamento de pautas, é simples: você seleciona sites, portais de notícias, blogs, entre outros, como se você estivesse “favoritando” opções de fontes. Toda vez que, por exemplo, você quiser saber qual foi a atualização mais recente desses sites sobre um determinado tema, basta pesquisar no Google Reader e conferir as últimas postagens de suas fontes favoritas.

Com essa ferramenta, você poupa o trabalho de ter que visitar cada um dos portais de notícia relevantes sobre o seu tema, concentrando todas as novidades que possam servir de interesse para o seu público em um só lugar.

Dica!
– Post mais aprofundado sobre como usar o Google Reader e selecionar fontes confiáveis, de acordo com o seu tema de interesse.

– Enquanto no Google Reader o usuário seleciona suas fontes principais e confere resultados sobre determinado termo pré-definido, no Google News ele pode buscar por notícias separadas por categorias. As opções variam por “Últimas notícias”, “Mundo”, “Brasil”, “Ciência/Tecnologia”, “Entretenimento”, entre outras, e podem ser usadas para facilitar sua pesquisa por temas. A grande vantagem do recurso é que as matérias são selecionadas através de algoritmos que consideram, por exemplo, o número de vezes em que determinada matéria foi publicada e em que sites.

Google Alerts

Google Alerts é um recurso utilizado para monitorar termos na internet. Seu diferencial está no fato de que, toda vez que esse termo (escolhido pelo usuário) for publicado em algum portal de notícia, blog ou página da web, a ferramenta é responsável por enviar um e-mail para o internauta, alertando-o sobre essa nova atualização. Logo, com o Google Alerts você não precisa inspecionar mecanismos de busca, basta aguardar os alertas emitidos pelo Google.

A ferrementa é útil, principalmente, para acompanhar ações, debates, matérias jornalísticas e outras ações envolvendo o nome de determinado produto, marca, empresa, novela ou seja lá o que for de seu interesse.

Dica!
– Post no blog da Enlink sobre como usar o Google Alerts e aproveitar as utilidade da ferramentas.

Search do Twitter

O Twitter conta com seu próprio mecanismo de busca, servindo como mais um meio de levantar informações e fontes para possíveis pautas. Os resultados incluem os tweets e notícias mais relevantes encontradas no microblog, além de sugestões de perfis sobre o assunto, fotos e vídeos sobre o termo pesquisado.

O usuário ainda tem a chance de salvar a sua busca, podendo sempre retornar à pesquisa e conferir os últimos resultados disponíveis no microblog.

Dica!
– Listas no Twitter: que tal agrupar perfis interessantes e contas segmentadas do Twitter, a fim de acompanhar suas atualizações? Com as listas do microblog, você tem a chance de selecionar fontes e referências confiáveis, conferindo tweets variados que podem servir de inspiração para a criação de pautas.

– Trending Topics: o que poderia ser melhor para um pauteiro do que conferir “os assuntos do momento” em tempo real? (Principalmente de hype). Essa é a finalidade dos Trending Topics (TTs), que é uma lista constantemente atualizada com os termos mais publicados no microblog. Gerados automaticamente, os Trends reúnem os assuntos mais comentados por internautas em toda a web, ou ainda, filtrados por países e algumas cidades. O recurso pode ser usado para fazer associações com o tema do seu interesse, combinar assuntos, acrescentar informações ou simplesmente, descobrir o que os internautas estão falando.

Youtube

Se a sua intenção é incrementar algum material ou, até mesmo, variar suas fontes de pesquisa, pense em investir em buscas no Youtube. A principal recomendação é refinar sua pesquisa utilizando os filtros, destacando as opções de “Classificar por”, “Data de upload” e “Categorias”.

E o segredo é…

Buscar novos conhecimentos, experimentar recursos, agrupar ferramentas, manter uma boa rede de contatos e estar atento ao feedback dos internautas são dicas adicionais para realizar um levantamento de pautas de qualidade.

Ampliando as possibilidades sugeridas, quem deseja criar conteúdo com base nos questionamentos e preferências dos internautas pode ainda recorrer a ferramentas de monitoramente de redes sociais – mas isso, fica para um próximo post!

Espero ter ajudado e, caso você tenha mais algumas dicas, compartilhe nos comentários e ajude a inspirar pauteiros e redatores de plantão!

Comments

comments